Genesis Mining: ainda vale a pena em 2017? Atualização

Em maio de 2017 relatamos num post nossa experiência com os contratos de mineração da Genesis Mining. Seis meses se passaram e muita coisa aconteceu no mundo das criptomoedas, o Bitcoin sofreu um hardfork e provavelmente sofrerá novamente outro em novembro de 2017, fora a interferência da China e muitos outros eventos.

Com aproximadamente 29 TH/s de poder de mineração o fluxo de pagamentos (payouts) é constante e não varia muito, o que nos permite prever lucros futuros com uma margem de acerto razoavelmente aceitável.

Muito se fala que a maioria das empresas de Cloud Mining são fraudes mas não consideramos a Genesis Mining algum tipo de scam. Mesmo após os ataques contra a empresa alguns meses atrás todos os pagamentos foram normalizados e ninguém ficou sem receber, apesar de ter sido um pouco desconfortável ficar alguns poucos dias sem payouts. Mas a empresa sempre estava lá para responder nossas dúvidas.

Na imagem abaixo temos as transações dia após dia, todos pagamentos feitos pela Genesis Mining.

Genesis Mining Payouts
Clique para ampliar

De acordo com nossos cálculos levando em consideração essa média de payouts nosso investimento se pagou em apenas 139 dias. E a média para gerar um Bitcoin é de 155 dias. Nada mal, certo?

No próximo tópico vamos explicar como calcular o retorno dos contratos de mineração e se eles ainda são um bom investimento.



Calculadora Retorno Genesis Mining

Nosso objetivo aqui é demonstrar com números e fatos se os contratos de mineração de Bitcoin da Genesis Mining continuam com uma boa rentabilidade. Utilizando a Bitcoin Mining Calculator and Profitability (profit) Calculator da Coinwarz, onde é possível calcular o retorno do processo de mineração assim como sua lucratividade vamos analisar se contratar em outubro de 2017 o plano de 15.000 GH/s (ou 15 TH/s) ainda vale a pena. Observando que novos contratos de mineração de Bitcoin serão abertos no final desse mês.

Com valor de 1950 dólares americanos (ou 6180 reais) é um contrato aberto (open ended) e rentável, pelo menos na teoria. Será mesmo?

A taxa de manutenção do aluguel das máquinas de mineração da Genesis Mining é de 0,00028 centavos de dólar para cada GH/s por dia, no caso do nosso plano o custo seria de 4,20 dólares por dia (0.00028 x 15000).

Calculadora Genesis Mining
Clique para ampliar

Como se trata de Bitcoin Cloud Mining (mineração de Bitcoin na nuvem) não existe custo de energia elétrica e o custo do equipamento (hardware costs) equivale ao valor pago pelo contrato de mineração.

De acordo com a calculadora o retorno diário seria de U$ 16,26, descontando U$ 4,20 (equivalente a 26%) da taxa de manutenção da Genesis Mining o lucro diário seria em média U$ 12.

Clique para ampliar

O retorno do capital investido (payback) aconteceria após 162 dias (ou 5,4 meses) e levaria cerca de 297 dias para minerar um Bitcoin, lembrando que esses valores podem mudar diariamente por causa da dificuldade de mineração ou também por causa do desempenho da pool de mineração.

Se a performance da mineradora for mantida nessa média qualquer valor após 5,4 meses será lucro e hoje em dia é difícil achar um investimento onde temos algum retorno financeiro em menos de 6 meses.

No entanto é importante monitorar a dificuldade de mineração, que vem crescendo constantemente e isso pode mudar a performance e o ROI, consequentemente, poderá variar.

Código Desconto Genesis Mining

Caso você tenha decidido através desse post a investir na empresa, utilize o código EaCjcM e ganhe 3% de desconto na hora de comprar qualquer contrato de mineração, seja de Bitcoin ou qualquer outra moeda. É permitido usar o promo code quantas vezes quiser.